Prenzlauerberg

Janeiro 7, 2012 § Deixe um comentário

Sentei-me na cama daquele quarto barato de pensão, havia sempre uma camada de pó por cima de todo objeto cor de creme que dava ao ambiente ares passados. Eu não poderia ter escolhido nenhum outro local mais de entristecedor, minha dor movia-se por aquele cômodo, que encontrava em cada pedaço ornamentado um resquício seu. As lágrimas escorriam pela minha face vermelha, eu estava esperando por você, sempre estive, e agora mais do que nunca, pois sei que você não voltará. Fechei os olhos na tentativa de fazer com que as lágrimas cessassem, mas nada poderia ser capaz de eliminar de mim a parte que você devastou, sobram apenas escombros daquilo que já foi apenas saudade.

O álcool levou-me vagarosamente a caminho de uma vertiginosa melancolia, ela dançava comigo no quarto, seu vestido em evidencia esvoaçava em meio ao preto e branco que remete à lembranças. E no quarto ao lado, naquele bairro rico e decadente, ela ria ou chorava? Tudo é intenso em Prenzlauerberg! Fugi dos meus sonhos, logo eles me apavoram tanto quanto a ausência do pecado, sinto você, o seu cheiro, tudo é você em Prenzlauerberg! Eu ainda choro, não posso me conter, as lágrimas caem como num dia de chuva, me sinto irromper em lágrimas! Todos os conselhos falharam! Beijo com os lábios frios as minhas pretensões, assim elas se afastam e como se por instinto, desejo frivolamente tudo aquilo que jamais terei! Nesta noite, nada será diferente. Como se não houvesse mais nada a fazer, eu insisto e espero, no quarto barato de uma pensão, deixando o tempo decidir, eu não poderia, não em Prenzlauerberg.

Por Constance, constantemente perdida no mundo e no tempo.

So alone
I cry but something something
I came through tonight… just like you
And all this advice has fallen through
I watch and wait as
Something something
I watch and wait as I let more time decide
And so alone…
I cry but i could not…
Something
Something…
Beirut
Anúncios

Where Am I?

You are currently browsing entries tagged with Prenzlauerberg at Old Consciousness.