Antagonismo Mútuo

Junho 7, 2012 § Deixe um comentário

Sentou-se na cadeira vazia à sua frente. Sabia que seria ocupada por uma das garotas de sempre que a acompanhava caso não o fizesse rápido e como se caísse ali por acidente, encenou uma exaustão que existia psicologicamente para que ficasse explicita. Ela sorria com os olhos brilhantes de sempre, eram quase monótonos, decididamente eram monótonos.

–Está tudo bem? – perguntou com a voz letárgica quase tão monótona quanto seus olhares.

–Estou exausto. Não aguento mais… simplesmente. – finalizou para ser interrogado. Deixando a cabeça apoiada nas mãos, olhava para baixo, tudo para que quando a encarasse mais uma vez, seus olhares se encontrassem de forma marcante. Queria enfeitiçá-la e poderia se soubesse como.

–O que houve? – interrogou. O brilho monótono no seu olhar passou a ser mais intenso.

–Eu simplesmente… – pausou dramaticamente para levantar a cabeça, encontrando o olhar direto da garota – odeio esse lugar, essas roupas… por que usam essas roupas?! Eu simplesmente… odeio esses garotos afundando no ridículo, físico demais, ricos correndo para os seus carros… todos os que estão desesperados demais por atenção para se olharem no espelho. Os que estão na sala ao lado e os que preenchem as listas de interesse… e você sabe por que preenchem? Bem, isso é o tipo de coisa que me faz querer sumir. Vamos fugir juntos… Isso sem contar as garotas, – riu, deixando claro que definitivamente, ela não se encontrava nessa categoria, embora suas amigas, sim, e naquele momento, ela se entrega, encantada –. Um dia você fala tanto sobre aquilo o que nunca será e de tanto falar acaba se tornando exatamente aquilo o que tanto critica. Eu tenho essa noção e por isso não vou me deixar acontecer. Eu nunca vou ser nada daquilo… eu definitivamente odeio… tudo! … por aqui.

Com um riso nem aberto nem só um sorriso, com um riso monótono, ela menciona quase como uma respiração, em palavras baixas e levianas…

–…eu adoro ficar longe daqui…se eu pudesse sair daqui agora… eu teria uma vida feliz se pudesse viajar para longe…

-Vamos sumir juntos? Vamos… sumir para sempre?

(Um Conto Por Música: Dark Of Matiée, Fade Together, This Boy; Franz Ferdinand, FRANZ FERDINAND)

Anúncios

Tagged: , ,

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

What’s this?

You are currently reading Antagonismo Mútuo at Old Consciousness.

meta

%d bloggers like this: