Uma tarde beirutando…

Agosto 1, 2011 § Deixe um comentário

Hoje estou feliz. Escrevo por que preciso resumir em palavras os meus sentimentos. Sinto-me muitíssimo estúpida enquanto escrevo! É como tentar descrever uma obra de arte através de um texto técnico. Não existe lugar para a beleza nas coisas demasiadamente práticas e técnicas, a beleza tem de ser espontânea  e natural… Usar palavras para descrever as sensações que tive hoje me parece absurdo, mas tenho de fazê-lo.
Hoje, me senti dentro de mim, rindo, cantando. O som ainda ressoa na minha cabeça, me lembrando daquele dia tão especial que foi hoje! Me envolvi de verdade não só com a música, mas com o ambiente e principalmente com as pessoas.  Cada segundo ali era como um presente. Pode parecer muito, mas meu coração palpitou com uma vivaz sensação ao ouvir cada uma das músicas.
Aquilo tudo foi tão belo!
Gostaria de escrever mais, mas agora não posso, estou voltando a minha rotina presa e massante em poucas horas e preciso me preparar para ela.

por Constance, beirutando constante, interna e intensamente…

Anúncios

Tagged: , ,

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

What’s this?

You are currently reading Uma tarde beirutando… at Old Consciousness.

meta

%d bloggers like this: